PSICOLOGIA

PSICOLOGIA
PSICOLOGA LUCIANA VOOS CRP 06/75105

Pesquisar este blog

quinta-feira, 1 de setembro de 2011



Dor da vida, do corpo, do coração...
Mas nada é maior que a dor da alma...
É aquela que não se encontra respostas
Não ha ajuda que a faça parar
Não ha explicação que a evite
Parece que o único caminho é suportar
Até passar... e chorar para não estourar.

E nem sempre a dor vem de tragédias vistas
Muitas vezes a tragedia interna acontece
Mas ninguem mais ve...
então a alma fica mais sozinha ainda
Por não ter com quem compartilhar...
Não porque não haja ninguem
Mas porque simplesmente não tem como

O dor que vem de dentro...
São detalhes... sutis e pequeninos
A alma achava que estava protegida
Mas decidiu abrir seus braços para a vida
então a vida simplesmente lhe virou as costas
Parece ironia do destino?
Quando se esta preparado para a viagem...
O trem vai embora e não te leva

Aberta e cheia de vida
Atordoada por não saber mais pra onde se virar
a alma sabe que não nasceu para se esconder
Ela precisa existir na sua totalidade...
não pode se esconder de quem realmente se é...
Mas quando ela se entrega a isso
não imagina o preço que tem que pagar ...
E quando padece, chora, sofre, doi e doi...
Fica sem explicaçoes que abarquem sua dor
E entende que não há cura para aquilo que se é...

Terá portanto que fazer a jornada sozinha
Sem nem saber como...
Como ela poderia saber? Não a culpem...
e não ha culpados....
ninguem é culpado por não amar...
Ninguem é culpado por não ser amado...
Ninguem é culpado por essa alma ter um destino solitário


Não há como tirar algo que entra tao profundamente
numa alma sensivel e entregue... ela não é como o coração
que se enche e se esvazia de tempo em tempo
Ela guarda, marca, registra, tatua para todo o sempre....
A marca daquelas palavras ...
Um sutil entreolhares...
Um gesto despercebido e avassalador...
Cada um segue seu caminho... como culpar alguém?

E a vida segue pra todos... para muitos será como se
nada tivesse acontecido ....
Quem tem tempo para se importar?
Cada um está na sua luta pessoal...
Mas a alma não esquece
Ela nunca mais sera a mesma
Talvez não tenha que ser mesmo
E vamos torcer para
que a eternidade esteja preparada
para receber essa alma tão entregue
e machucada.... que de o colo eterno
que ela vai precisar...


PS: gente não esquecem que sou psicóloga e falo muitas vezes de realidades internas. Para quem quer entender mais sobre o que escrevi acima, leia Ego e Arquétipo de Edinger que fala sobre a derrota do Ego, a realização do Si mesmo e O processo de Individuação.

Bjus, Bjus

Nenhum comentário:

Postar um comentário