PSICOLOGIA

PSICOLOGIA
PSICOLOGA LUCIANA VOOS CRP 06/75105

Pesquisar este blog

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Uma outra maneira de perceber a vida faz a diferença...





Conhecer-nos, olhar, tocar, ouvir, cheirar e saborear... as experiencias na vida nos faz crescer... elas ajudam a formar quem realmente somos e nos leva a caminhar por um caminho único, que ninguem mais pode trilhar por nós...

Na busca de nos entendermos melhor muitas vezes perdemos o contato com nosso corpo, nossos sonhos, com a realidade, como os nossos sentimentos, com os outros...

O modo como percebemos a vida é diferente para cada um de nós e na busca da tal da felicidade, isso pode mudar tudo... Podemos ter "tudo" e continuarmos nos sentindo infelizes....As vezes, quando não nos conhecemos bem, colocamos no outro idéias e sentimentos que são só nossos, nao tem nada a ver com eles.

O modo como sentimos a vida pode estar ligado com algumas prisões as quais entramos durante o percurso da vida. As vezes a vida é pesada, dilacerada, incomoda... outras vezes é leve, calma, flui... O modo como a percebemos pode ser transformado e nos trazer experiencias melhores; a vida pode se tornar mais bela, poética, mais iluminada. Precisamos nos movimentar livremente pela vida. Movimento de agir e de não agir tambem, quando necessario, ou seja, as vezes é preciso deixar acontecer.

Vou falar nos próximos textos de estados em que nos encontramos ao longo da vida com o intuito de percebermos melhor se estamos vivendo bem nossa vida, se estamos estagnados ou fluindo... Pense em como cada elemento se encaixa na sua vida, como voce vive estas questões.

Veja um pouquinho do que se trata cada um dos 4 elementos:
Terra
Na vida precisamos ter os pés no chao, precisamos agir.. Tem pessoas que vivem flutuando enquanto outras não andam porque estao enterradas no chao ate o joelho. Como voce se encontra hoje em relaçao a terra? Precisamos desfrutar de nossos sentidos mas ate que ponto voce aceita os limites da vida? Qual a marca de sua açao no mundo? Quer viver em um paraiso constante? Viver em berço esplendido?

Agua
Muitas vezes precisamos de fluidez na vida, contornar os obstaculos sem nos determos perante eles. O quanto voce luta contra suas dificuldades e de que maneira? Quanta agua parada existe em sua vida? Por outro lado, as vezes nos afogamos no outro, nas paixões, nos relacionamos de forma simbiotica e perdemos o contorno de nossa individualidade. O que fazer?

Fogo
O fogo aquece, queima, fornece luz e calor. Quantas vezes precisamos de clareza para pensar e discernimento para escolher o que é melhor. Pensar demais não é bom; precisamos de inspiraçao para pensar certo. O calor remete ás paixoes que se não forem transmutadas, nos engolem. Voce tem o calor em sua vida na medida certa?

Ar
O ultimo elemento é o ar, aquilo que eleva. Nao podemos deixar de fora da nossa vida os sonhos, a criatividade, a imaginacao... Quando estamos afundados em um problema, precisamos subir no alto da montanha e olhar de cima. O ar nos remete ao tempo: quantas vezes vivemos o tempo fora do tempo; quando temos de ser rapidos e somos lentos ou vice versa. È facil muitas vezes viver no mundo de fantasias pelo desejo de sermos livres. Mas e quando nos afastamos demais da realidade, qual o preço a pagar?

Aguardem os próximos textos falando mais de cada um.

Bjus, bjus Luciana Voos

texto baseado no livro de Vera Lucia Almeida, Corpo poético.
imagem: net

Nenhum comentário:

Postar um comentário